“BOMBA”, Kalil Baracat é réu em sonegação e omissão de documentos públicos.

0

O candidato a prefeito de Várzea Grande Kalil Baracat da coligação, “Amor Por Várzea Grande”, que tem o apoio da máquina é réu por sonegação de contribuição previdenciária e omissão de documento público

Segundo Ministério Público, Kalil Baracat, cometeu dois crimes, o de sonegação de contribuição previdenciária e de omissão de Documento Público, o candidato foi ouvido pelo juiz federal Paulo Sodré, e também foi ouvida uma testemunha que fez “duras” acusações sobre o candidato.

Kalil administra a “ex-rede” de escolas Sobev criadas por sua avó Sarita Baracat, que era 12 unidades, e hoje só tem uma, que está fechada devido a pandemia.

Na denúncia, o MPF alega que Kalil, na função de presidente da Sociedade Beneficente Escolar de Várzea Grande – SOBEV – contratou Katiussia Rosane Cintra Monge para trabalhar na Escola Couto Magalhães, administrada pela referida Sociedade. E que, embora a contratação tenha ocorrido em julho de 2006, o denunciado somente providenciou o registro em Carteira de Trabalho e Previdência Social em fevereiro de 2011. Portanto, até essa data, omitiu da CTPS a vigência do contrato de trabalho e a remuneração.

Vídeo em que o juiz Paulo Sodré fala dos dois crimes

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui